Nuremberga, Alemanha

0

Nuremberga, AlemanhaEm Janeiro de 2014 quando regressava de Praga e Budapeste tive pouco mais de meio dia para conhecer um pouco desta cidade alemã antes de apanhar o avião de regresso a Portugal.

O tempo não ajudou muito e, embora seja uma cidade muito rica em museus, preferi usar o pouco tempo que tinha disponível para visitar um pouco do património da cidade.
À semelhança de muitas das cidades alemãs, grande parte desta foi destruída em bombardeamentos durante a segunda guerra mundial, pelo que tudo teve de ser reconstruído.

Esta memória está bem presente em todo o património que se visita, com painéis informativos e fotografias do rasto de destruição deixado pela guerra, porque é importante conhecer a história para que não se voltem a cometer os mesmos erros.

Fotografias de Nuremberga

Castelo de Nuremberga

O castelo de Nuremberga foi um dos últimos castelos imperiais do Sacro Império Romano-Germânico. Sofreu também uma severa destruição com os bombardeamentos da segunda guerra mundial e foi depois disso reconstruído. Algumas das suas salas funcionam como museu que conta a história da cidade e do castelo na região da Baviera.

Tribunal de Nuremberga

Na história mais recente, Nuremberga ficou conhecida primeiro pelos enormes comícios aí organizados pelo partido nazi (Reuniões de Nuremberga) e mais tarde, com o final da segunda guerra mundial foi palco dos julgamentos de Nuremberga onde foram julgados os principais criminosos de guerra nazis.

A sala do tribunal onde se realizaram esses julgamentos históricos pode hoje ser visitada, embora continue a ser usada para audiências.

Infelizmente esta sala memorial está fechada às terças-feiras, precisamente o dia em que estive na cidade.

O horário de abertura é das 10h00 às 18h00 e o preço da entrada é de 5€.

Hoteis em Nuremberga

Se vai viajar para Nuremberga sugiro-lhe esta página para encontrar o hotel ideal para si, ao melhor preço:
Hoteis em Nuremberga

Mapa de Nuremberga


Ver Nuremberga num mapa maior

Olá! Eu sou o Samuel, autor do artigo que acabou de ler. Como você, também gosto de viajar e descobrir povos e lugares. Partilho neste blog as experiências vividas nos vários países por onde já andei. Pode saber mais sobre mim na página Sobre o autor. Espero que tenha gostado e, se tiver alguma coisa a acrescentar, deixe um comentário abaixo.

Ficou com dúvidas? Quer acrescentar alguma coisa? Deixe um comentário!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.