Ksar de Ait Ben Haddou; Património UNESCO em Marrocos

0

Kasbah-Marrocos-UNESCO-Ait-Ben-Haddou (1)O Ksar de Ait Ben Haddou é um dos exemplares mais marcantes da arquitectura típica do Sul de Marrocos. Na zona em que se encontra existem às centenas, Kashbas e Ksares, isto é, casas ou pequenas vilas fortificadas construídas em adobe. Este destaca-se não só pela sua beleza e localização, numa colina ao lado do rio Ouarzazate, como pelo seu passado histórico. Ait Ben Haddou encontra-se na rota das antigas caravanas entre o Sahara e Marraquexe. Ait Ben Haddou é hoje largamente usado para cenário de filmes como por exemplo Lawrence da Arábia, O Gladiador, A Múmia, etc.

Visitar Ait Benhaddou

Chegar a Ait Ben Haddou sem transporte próprio pode não ser fácil. A cidade mais próxima é Ouarzazate que fica a uns 40km. Certamente que aí, no posto de turismo saberão informar como chegar lá. O ksar fica a 8km da estrada que liga Ouarzazate até à cidade de Marraquexe, por isso pelo menos até esse cruzamento será fácil de chegar. O ideal é mesmo levar o carro, já que Marrocos fica aqui tão perto de Portugal.

O ksar fica na margem do rio contrária à estrada de acesso. Logo à entrada há um parque onde pode deixar o carro. Não sei se por sorte, a mim nem apareceu ninguém a pedir para pagar o estacionamento. 🙂 A vista clássica de Ait Ben Haddou é dessa margem do rio. Depois, pode cruzar o rio a pé se for no verão. No Inverno, os níveis da água sobem com a chuva e em casos extremos penso que será mesmo impossível a travessia. Quando eu fui, em Fevereiro, a água dava pelos joelhos. Há quem arregace as calças e passe a pé. Se não, por 10Dh pode passar montado num burro. Tenho de admitir que é uma forma muito mais bonita de entrar no ksar.

Actualmente muitos destes ksares estão ao abandono. Ait Ben Haddou não é excepção e as poucas famílias que ainda restam vivem do turismo. Assim somos convidados a entrar em todas as casas e subir aos seus terraços, pagando 10 Dirhams.

IMG_1414

Pintura tradicional que comprei em Ait Ben Haddou.

Em vários locais há artistas a pintar e vender estas aguarelas. Peça a um para demonstrar como faz. O azul é aguarela, o amarelo açafrão e o castanho, açúcar, que é queimado depois de pintado para tomar essa cor escura.

Nota: Não tenho fotos de Ait Ben Haddou porque me esqueci da máquina fotográfica nesta viagem a Marrocos. Pode ver algumas fotos tirada pelo meu amigo João Leitão aqui: Fotografias de Ait Ben Haddou

Mapa de Ait Benhaddou


Ver Ait Ben Haddou num mapa maior

Guardar

Ficou com dúvidas? Quer acrescentar alguma coisa? Deixe um comentário!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.