Ksar de Ait Ben Haddou; Património UNESCO em Marrocos

0

Kasbah-Marrocos-UNESCO-Ait-Ben-Haddou (1)O Ksar de Ait Ben Haddou é um dos exemplares mais marcantes da arquitectura típica do Sul de Marrocos. Na zona em que se encontra existem às centenas, Kashbas e Ksares, isto é, casas ou pequenas vilas fortificadas construídas em adobe. Este destaca-se não só pela sua beleza e localização, numa colina ao lado do rio Ouarzazate, como pelo seu passado histórico. Ait Ben Haddou encontra-se na rota das antigas caravanas entre o Sahara e Marraquexe. Ait Ben Haddou é hoje largamente usado para cenário de filmes como por exemplo Lawrence da Arábia, O Gladiador, A Múmia, etc.

Visitar Ait Benhaddou

Chegar a Ait Ben Haddou sem transporte próprio pode não ser fácil. A cidade mais próxima é Ouarzazate que fica a uns 40km. Certamente que aí, no posto de turismo saberão informar como chegar lá. O ksar fica a 8km da estrada que liga Ouarzazate até à cidade de Marraquexe, por isso pelo menos até esse cruzamento será fácil de chegar. O ideal é mesmo levar o carro, já que Marrocos fica aqui tão perto de Portugal.

O ksar fica na margem do rio contrária à estrada de acesso. Logo à entrada há um parque onde pode deixar o carro. Não sei se por sorte, a mim nem apareceu ninguém a pedir para pagar o estacionamento. 🙂 A vista clássica de Ait Ben Haddou é dessa margem do rio. Depois, pode cruzar o rio a pé se for no verão. No Inverno, os níveis da água sobem com a chuva e em casos extremos penso que será mesmo impossível a travessia. Quando eu fui, em Fevereiro, a água dava pelos joelhos. Há quem arregace as calças e passe a pé. Se não, por 10Dh pode passar montado num burro. Tenho de admitir que é uma forma muito mais bonita de entrar no ksar.

Actualmente muitos destes ksares estão ao abandono. Ait Ben Haddou não é excepção e as poucas famílias que ainda restam vivem do turismo. Assim somos convidados a entrar em todas as casas e subir aos seus terraços, pagando 10 Dirhams.

Pintura tradicional que comprei em Ait Ben Haddou.

Em vários locais há artistas a pintar e vender estas aguarelas. Peça a um para demonstrar como faz. O azul é aguarela, o amarelo açafrão e o castanho, açúcar, que é queimado depois de pintado para tomar essa cor escura.

Nota: Não tenho fotos de Ait Ben Haddou porque me esqueci da máquina fotográfica nesta viagem a Marrocos. Pode ver algumas fotos tirada pelo meu amigo João Leitão aqui: Fotografias de Ait Ben Haddou

Mapa de Ait Benhaddou


Ver Ait Ben Haddou num mapa maior

Guardar

Este artigo pode conter links afiliados.

Ficou com dúvidas? Quer acrescentar alguma coisa? Deixe um comentário!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.