Igrejas da Moldavia, Roménia

2

Construídas no norte da província romena da Moldavia (não confundir com República da Moldávia, ou Moldova) numa época em que a região era assolada por invasões do império Otomano, estas igrejas eram parte central de fortalezas onde as tropas se reuniam.

Mosteiro de Moldovita, RomeniaSendo a população, assim como os soldados, geralmente analfabetos e com alguma dificuldade em entender a liturgia, surgiu a ideia de decorar as igrejas, por dentro e por fora com frescos relatando passagens da bíblia, histórias de santos e de mártires.

As centenas de anos ao longo dos quais estes frescos estiveram expostos aos elementos da natureza danificaram sobretudo as fachadas viradas a norte. Já as outras, protegidas como que por milagre, mantêm todo o seu esplendor.

É difícil encontrar explicação para um tão bom estado de conservação destes frescos pintados com recurso a corantes naturais.

Todos estes mosteiros têm o altar orientado a oriente e estão divididos no seu interior em 3 a 5 salas, todas elas igualmente decoradas com belíssimos frescos que complementam os de fora. Em seu redor há sempre uma mais ou menos imponente muralha e torres.

Os frescos

De uma forma geral os frescos do exterior são semelhantes. Há excepção de  Dragomina, que não é pintado, todos ele apresentam três representações:

Mosteiro de Voronet, RoméniaO Juízo Final – (na imagem ao lado) Pintado na fachada poente, é duma forma geral a mais bem conservada e interessante pintura. No topo aparecem os anjos a enrolar um pergaminho com os símbolos do Zodíaco, que representa o fim dos tempos,  abaixo destes Deus sentado no seu trono, a ressurreição dos mortos, o seu julgamento (os infiéis são claramente representados com trajes árabes), e por fim, na base, à direita de Deus os justos no paraíso e à esquerda os pecadores a arderem no fogo do inferno. O melhor mosteiro para observar este painel é o de Voronet.

A árvore de Jessé – Ocupa cerca de metade da fachada Sul e representa a árvore genealógica de Jesus a partir de Jessé, pai do rei David e que faz assim a ligação entre o velho e o novo testamento.

O cerco de Constantinopla – em 1453 Constantinopla caíra nas mãos dos Otonamos, infiéis, razão pela qual os guerreiros por aqui passavam e encontra-se representada também na fachada Sul, normalmente junto à porta de entrada.

Mosteiro de Humorului

 

Mosteiro de Voronet

 

Mosteiro de Moldovita

 

Mosteiro de Sucevita

Visitar os Mosteiros

Eu visitei os mosteiros em Setembro de 2011, quando andei em viagem pela Roménia, tendo em 2 dias conseguido visitar 4 das 8 igrejas mais o mosteiro de Dragomina. Na verdade podia ter visitado facilmente mais 2, mas aconteceu que não sabia onde ficavam e estive mesmo ao lado delas. Só agora com alguma pesquisa consegui ver que uma fica mesmo na cidade de Suceava, a igreja de S. João Novo, e o local onde ficam as outras.
Neste mapa a vermelho estão as que eu visitei e a amarelo as outras.


Ver Igrejas da Moldavia num mapa maior

Como de costume, o transporte para os melhores locais é muito limitado e as três opções são os tours organizados, o carro próprio ou a boleia. Eu obviamente optei pelo último.

Roteiro para visitar os mosteiros à boleia

Viajar à boleia na Roménia é super fácil. Eu comecei a minha viagem na Bucovina na cidade de Gura Humorului, onde cheguei às 7h00 da manhã num comboio nocturno vindo de Cluj Napoca. Na verdade tinha comprado bilhete até Suceava, mas decidi sair aqui porque esta cidade fica logo muito próximo de 2 dos mosteiros.

Estrada para o Mosteiro de Humorului, RoméniaVisitei primeiro o mosteiro de Humor, ao qual cheguei a pé: são uns 4km de caminhada. É também possível ir nuns mini autocarros (na imagem), e de regresso a Gura Humorului foi como vim. Como cheguei ao mosteiro muito cedo, a bilheteira ainda não estava aberta, mas a porta sim, pelo que visitei gratuitamente.

Novamente em Gura, caminhei até ao cruzamento para Voronet (1km) e aí apanhei boleia num velho Dácia 1300 por 5km até ao mosteiro, tendo regressado a esse cruzamento à boleia com um casal de Polacos que andavam de carro a visitar os mosteiros.

O mosteiro que visitei de seguida foi o de Moldovita. Para lá chegar apanhei primeiro uma boleia até Vama, onde assim que saí estava para partir um mini autocarro para Moldovita que me deixou junto ao mosteiro. Todas estas boleias e transportes foram muito rápidos. Na verdade penso que se fosse com carro próprio, com os enganos e andar a procurar as estradas não conseguia fazer este percurso tão rápido.
Moldovita, RomeniaApenas de Moldovita para Sucevita demorou um pouco mais a apanhar boleia.

A estrada que une as duas localidades é uma estrada de montanha muito pouco frequentada e por isso estive quase1 hora à espera, juntamente com uma criança com 2 sacos de compras enormes que certamente vivia em alguma aldeia das montanhas. Consegui boleia com um camionista. O cruzamento (como se pode ver na imagem ao lado) estava sempre com 2 ou três pessoas a apanhar boleia noutras direcções.
De Sucevita segui para Radauti onde pernoitei. A ligar estas duas localidades há um mini autocarro de meia em meia hora.

No dia seguinte apanhei o mini autocarro para Suceava e saí à entrada da cidade onde apanhei boleia para Dragomina, o último mosteiro que visitei. Daqui podia ter seguido o trilho de 3 ou 4 km para Patrauti, mas como estava a chover apanhei logo boleia para Suceava, onde terminei a saga.

Onde comer e dormir

Todos estes mosteiros à excepção do de Suceava encontram-sem em aldeias. Ainda assim, sendo este um dos principais locais de atracção turística e religiosa da Roménia, existe em seu redor uma boa infraestrutura de apoio ao turismo. Em todas estas aldeia há sempre no mínimo um café à semelhança de Portugal, e em algumas delas há mesmo restaurantes.
Quanto às dormidas, pode optar por dormir numa das cidades da zona ou ficar em pensões nas próprias aldeias. Eu fiquei a primeira noite em Radautsi e a segunda em Suceava.

Tenho pena de não ter ficado nenhuma noite numa pensão. Por exemplo, na estrada de Gura Humorului para o mosteiro de Humor há bastantes pensões familiares que oferecem quartos a partir de 40 ou 50LEI (aproximadamente 10€)!
Para encontrar as melhores ofertas de hoteis nesta região veja estes sites:Hoteis em Radauti, Hoteis em Suceava

Kit de viagem para a Roménia

ALUGAR CARRO

A minha sugestão é que faça a sua reserva neste site Rentalcars Roménia, já que vai conseguir um preço mais barato do que alugando directamente nas agências. Boa viagem!

RESERVAR HOTEL

Aproveite a minha recomendação e use este site para encontrar o seu hotel ao melhor preço: Hotéis na Moldavia – Roménia.

Olá! Eu sou o Samuel, autor do artigo que acabou de ler. Como você, também gosto de viajar e descobrir povos e lugares. Partilho neste blog as experiências vividas nos vários países por onde já andei. Pode saber mais sobre mim na página Sobre o autor. Espero que tenha gostado e, se tiver alguma coisa a acrescentar, deixe um comentário abaixo.

2 COMENTÁRIOS

  1. OBRIGADO PELA REPORTAGEM BELISSIMA. E AS FOTOS ESTÃO MARAVILHOSAS. A GENTE PERCORRE DENTRO DOS MOSTEIROS MESMOS. MUITO POUCO DIVULGADA NO MUNDO. E MERECIAM SER VISTAS PELA HUMANIDADE. ROTEIRO OBRIGATORIO PARA QUALQUER TURISTA AMANTE DAS ARTES, RELIGIAO, ETC.
    APRENDI MUITO COM O SENHOR. FICO MUITO GRATA.

Ficou com dúvidas? Quer acrescentar alguma coisa? Deixe um comentário!