Aldeias e Igrejas fortificadas da Transilvânia

18
Igreja fortificada de Biertan, uma das mais imponentes da Transilvânia
Igreja fortificada de Biertan, uma das mais imponentes da Transilvânia

Estas aldeias com as suas igrejas fortificadas são a melhor imagem da paisagem cultural do Transilvânia. Sete delas foram inscritas na lista de património da humanidade em 1993 devido ao seu significado para a história da humanidade.

Fundadas pelos saxões da Transilvânia entre os séculos XIII e XVI reflectem o  sistema organizacional da divisão da terra, dos aglomerados populacionais e das famílias que habitavam a região na idade média.

A sua arquitectura é dominada pelas igrejas fortificadas, em que as suas torres serviam de torres de vigia, sendo estas rodeadas como que por um forte no qual se abrigava a população em caso de ataque do exército Otomano.

Visitar as igrejas da Transilvânia

Ao todo fazem parte da lista 7 igrejas: Biertan, Prejmer, Saschiz, Câlnic, Dârjiu e Valea Viilor. Ao percorrer a região facilmente se aperceberá que em cada aldeia há uma igreja com uma enorme torre, ou uma muralha. Existirão algumas dezenas, umas melhor preservadas que outras e que poderá visitar ao longo do seu trajecto. Um exemplo disso é a igreja de Şaroş  próximo de Biertan, que aquando da minha visita se encontrava em obras de restauro.

De forma resumida há três formas de visitar as igrejas: através de tours que alguns hosteis organizam, com viatura própria ou alugada, ou à boleia (carona).

Estrada de uma aldeia da Transilvânia, enquanto esperava por boleia
Estrada de uma aldeia da Transilvânia, enquanto esperava por boleia

Brevemente escreverei uma página sobre andar à boleia na Roménia, mas desde já informo que é o melhor país da Europa para o fazer, mesmo que não tenha experiência nenhuma. Tentar usar transportes públicos pode implicar vários dias para ver 3 ou 4 igrejas.

Mapa das Aldeias e Igrejas fortificadas da Transilvânia


Ver Igrejas Transilvânia num mapa maior

Igreja fortificada de Biertan

Biertan é uma pequena aldeia muito próxima de Sighisoara e uma das mais bonitas e completa destas igrejas, localizada numa zona rural com muitas colinas, colmeias, muito verde!

Paisagem da aldeia de Biertan na Transilvânia, Roménia
Paisagem da aldeia de Biertan na Transilvânia, Roménia

A não perder em Biertan:

  • Uma pequena casa na traseira da igreja foi durante muitos anos usada como remédio para os divórcios: os casais que se queriam divorciar eram ali fechados por duas semanas. Só havia uma cama… O método era tão eficaz que em 400 anos apenas um casal avançou com a ideia do divórcio! 🙂
  • A porta da Sacristia da igreja possui uma formidável fechadura de alta segurança premiada na exposição universal de Paris de 1900! Uma maravilha da engenharia.
  • A paisagem em redor das muralhas. (na imagem)
  • Dentro do conjunto funciona uma livraria dedicada ao turismo com muitos mapas, livros de história e álbuns, guias turísticos, a preços semelhantes aos praticados noutros locais.
Interior da igreja de Biertan na Roménia
Interior da igreja de Biertan na Roménia
Relógio de torre em Biertan na Roménia
Relógio de torre em Biertan na Roménia
Fechadura avançada na igreja de Biertan, Roménia
Fechadura avançada na igreja de Biertan, Roménia

Veja aqui o meu album no Flickr com todas as minhas fotografias de Biertan.

Igreja fortificada de Prejmer

Vista exterior da igreja fortificada de Prejmer na Transilvânia, Roménia
Vista exterior da igreja fortificada de Prejmer na Transilvânia, Roménia

Prejmer é a mais fortificada de todas estas igrejas e também a mais próxima de Brasov. A pequena igreja no seu centro perde toda a importância quando comparada com a grandiosidade da construção que a rodeia, com mais de 270 salas, onde a população se abrigava em caso de ataque dos Otomanos.

Recinto interior da igreja fortificada de Prejmer na Transilvânia, Roménia
Recinto interior da igreja fortificada de Prejmer na Transilvânia, Roménia

A escadas e varandas de madeira que dão acesso aos vários pisos são um autentico labirinto. Algumas dessas salas estão abertas e expõem artefactos e mobílias antigas.

O ponto alto, literalmente, é o sótão que era usado como uma muralha coberta com guaritas para a defesa em caso de cerco.

Galeria de acesso à igreja fortificada de Prejmer
Galeria de acesso à igreja fortificada de Prejmer

Veja aqui o meu album no Flickr com todas as minhas fotografias de Prejmer

Igreja fortificada de Saschiz

Esta foi a menos interessante das 3 igrejas fortificadas que visitei. A igreja em si foi recentemente restaurada e parece nova. Ao lado existe ainda a enorme torre, que para além do sino e de um relógio e arquitetura que por momentos fazem pensar que já se está em Sighisora, tem enormes fendas nas suas paredes que fazem temer que se desmorone em breve.

Torre da igreja fortificada de Saschiz, Transilvânia, Roménia
Torre da igreja fortificada de Saschiz, Transilvânia, Roménia

Junto a esta existe um posto de informação turística muito bom, com bastantes desdobráveis gratuitos e também alguns livros para quem tiver interesse em saber mais sobre estes locais.

Estive pouco tempo em Saschiz porque parei lá quando viajava de Brasov para Sighisoara já ao final do dia e precisava ainda de apanhar outra boleia.

No entanto esta aldeia merecia um pouco mais de tempo. Há mais algumas igrejas e até mesmo um castelo na colina ao lado, que embora pareça estar em ruínas, deve ter uma vista bastante interessante.

Comer e dormir

À semelhança de Portugal, em cada uma destas aldeias há pelo menos um café e/ou um mini-mercado. Biertan tem mesmo um restaurante.

Quanto ao alojamento, o ideal será ficar em Sighisoara ou em Brasov já que as igrejas se encontram nas proximidades.  Compare preços e condições de todos os hotéis em ambas as cidades aqui: Hoteis em Sighisoara; Hoteis em Brasov

Pelo menos Biertan tem algumas pensões, assim como outras aldeias na região. Esta é uma boa opção se estiver a viajar com viatura própria ou alugada.

Kit de viagem para a Transilvânia

ALUGAR CARRO

A minha sugestão é que faça a sua reserva neste site Rentalcars Roménia, já que vai conseguir um preço mais barato do que alugando directamente nas agências. Boa viagem!

RESERVAR HOTEL

Aproveite a minha recomendação e use este site para encontrar o seu hotel ao melhor preço: Hotéis na Transilvânia.

Olá! Eu sou o Samuel, autor do artigo que acabou de ler. Como você, também gosto de viajar e descobrir povos e lugares. Partilho neste blog as experiências vividas nos vários países por onde já andei. Pode saber mais sobre mim na página Sobre o autor. Espero que tenha gostado e, se tiver alguma coisa a acrescentar, deixe um comentário abaixo.

18 COMENTÁRIOS

  1. Adorei!! Nem sabia desse lugar. Pra voce qual das opcoes que voce colocou e a melhor para visitar as igrejas??? Nao da medo andar de carona??

    • Giulia, viajar de carona tem sempre os seus risco, embora eu me tenha sentido sempre muito seguro durante esta viagem. Tem a vantagem de contactar de perto com as pessoas. Os romenos gostam muito de conversar e ainda que alguns não falem o inglês, esforçam-se sempre por comunicar e ser agradáveis. Alugar um carro claro que também é uma boa opção.

  2. Olá Samuel, muito interessante dizeres que a Roménia é o teu país de eleição na Europa. É que eu ando desde há 5 ou 6 anos a adiar uma viagem para lá e o meu plano incluía esta região, mas por um motivo ou outro acabo sempre não indo.
    Eu não sou um grande apaixonado pelas “nossas” igrejas, mas este tipo de igrejas fortificadas já me atraem mais. A ver se em breve trato de conhecer a Roménia. Obrigado por todas as dicas que tens escrito sobre o país. Abraço.

  3. Esstou rindo aqui da casa de salvação dos divórcios! Realmente incrível e curioso! Mais uma coisa: você diz que é ótimo se locomover na boleia aí. Sério?! Jamais pensaria nisso! Obrigada pela informação!

    • Sim é verdade Karen. Muita gente viaja assim na Roménia. É normal num cruzamento à saída de uma aldeia estarem mais 5 ou 6 pessoas à espera de carona 😉

  4. Olá David: achei este artigo curioso pelas propostas diferentes. Ainda bem que há partilhas como esta que mostram lugares muito interessantes. Costumo sempre entrar nas igrejas e estas são algo diferentes.

  5. Que ótimo artigo! Acho muito interessante mostrar lugares inusitados, bem diferente das rotas turísticas padrão. Essas igrejas fortificadas parecem muito interessantes! Obrigado pelas dicas!

  6. David, já vi que és um fã de igrejas como eu (pelo menos no sentido da arquitectura e história) e traçaste aqui um excelente roteiro temático para esta bela região da Roménia! Parabéns pela descrição e fotos!

  7. É muito lugar interessante nesse mundo para a gente conhecer.
    Eu adoro esses roteiros inusitados e foram do comum. Já fico morrendo de vontade de embarcar para desbravar.
    Abraços,
    Francine @Viagenquesonhamos

  8. Isto é fabuloso Samuel ora aqui está um destino que fiquei com uma vontade grande em visitar, aliás a Roménia é fabulosa mas isto é fantástico mesmo.

  9. Que post interessante. São tantas coisas incríveis que temos espalhadas pelo mundo! Estas igrejas fortificadas nestes povoados parecem ser um passeio fantástico! Como é bom ver um pouquinho mais sobre um lugar que, eu pessoalmente, só ouvi falar pela famosa história do vampiro da obra de Bram Stoker.

  10. Fiquei muito encantada com todo esse verde e essas pequenas aldeias. Divertido demais o “remédio para divórcios”. Com certeza um dos muitos lugares no mundo para colocar na lista de viagens.

  11. Que post tão bom! É um roteiro histórico e arquitetónico bem pensado e com pontos sempre muito interessantes de visita. Quando lá for vou levar este post comigo 😀

Ficou com dúvidas? Quer acrescentar alguma coisa? Deixe um comentário!