Plantação de ananases na Ilha de São Miguel

5

Plantações de ananases nos Açores

A cultura do ananás, originário das Américas, foi introduzida na ilha de São Miguel no século XIX, concentrando-se a maior parte da produção nos arredores da cidade de Ponta Delgada.

As plantas são cultivadas em estufas de vidro caiado de branco e alguns produtores permitem a visita gratuita aos locais. Na primeira vez que estive na ilha visitei a plantação A Arruda e, na segunda, a Quinta das Três Cruzes, ambas na Fajã de Baixo.

Ananás dos Açores na fase final de crescimento
Ananás dos Açores na fase final de crescimento

Os locais são por vezes um pouco difíceis de encontrar, com poucas indicações e ruas muito estreitas (ver mapa abaixo), mas vale a pena o esforço. Como quase todas as propriedades são rodeadas por muros altos ou sebes, só quando regressei e vi no Google Earth é que tive a real noção da quantidade de estufas existentes na zona da Fajã de Baixo.

O cultivo do ananás começa no “estufim”, onde a uma temperatura de cerca de 38ºC se planta os bolbos de plantas que já deram fruto, chamados de “tocas”. Ao fim de um mês as pequenas plantas são transplantadas para outras estufas mais espaçosas e não tão quentes.

Interior das estufas de ananases na Fajã de Baixo, Açores
Interior das estufas de ananases na Fajã de Baixo, Açores

A terra destas estufas, chamada de “cama” tem de ser muito rica em matéria orgânica e é ainda melhorada com folhagens trituradas de outras árvores.

Cada planta dará apenas um fruto e no primeiro mês são regadas abundantemente, rega esta que vai sendo gradualmente reduzida até ser totalmente retirada na fase de maturação do fruto.

Quatro meses depois da plantação definitiva é efectuada a operação do “fumo”. Esta operação consiste na queima de verduras dentro das estufas de modo a “intoxicar” as plantas, obrigando a que estas floresçam todas ao mesmo tempo, conseguindo-se assim controlar os ciclos de produção.

Em média o todo este processo de produção de um ananás leva cerca de 18 meses (1 ano e meio)!

Balança para pesagem do ananás na Quinta das Três Cruzes
Balança para pesagem do ananás na Quinta das Três Cruzes

Plantação A. Arruda

Como já referi, na minha primeira vez na ilha de São Miguel visitei a plantação A. Arruda. Esta é uma das melhores e   mais conhecidas, ocupando um grande espaço muito arranjado e orientado para o turismo. As várias estufas apresentam os vários estágios da produção do ananás.

Estufas de ananases A Arruda na Fajã de Baixo, Açores
Estufas de ananases A Arruda na Fajã de Baixo, Açores

Peca apenas pelas falta de informação. Só à saída é que apareceu uma rapariga que nos ofereceu uma folha com algumas explicações. A entrada nas várias estufas é livre. Há uma loja de recordações com vários produtos inspirados no ananás.

Ver mais fotografias das estufas de ananás A. Arruda no Flickr

Quinta das Três Cruzes

A quinta das Três Cruzes apresenta um conceito completamente diferente da A. Arruda. Aqui somos recebidos no armazém onde é feita a embalagem e a pesage m dos ananases numa enorme balança. Antes da visita somos convidados a assistir a um filme que mostra todo o demorado processo da produção de um ananás.

Entrada nas estufas da Quinta das Três Cruzes
Entrada nas estufas da Quinta das Três Cruzes

De seguida somos acompanhados por um guia às estufas anexas onde podemos observar de perto a produção. Não há aqui no entanto o cuidado na conservação do espaço ou na variedade de etapas da produção que se encontra nas outras. É um bom local para comprar ananás.

Deliciosos ananases para venda na Quinta das Três Cruzes
Deliciosos ananases para venda na Quinta das Três Cruzes

Onde ficam as plantações de ananás dos Açores na ilha de São Miguel

Neste mapa pode ver a localização das duas plantações de ananases que refiro. Repare que todas as construções brancas que se vêem na imagem de satélite são estufas de ananás! Dá para ter uma ideia da dimensão.

Kit de viagem para São Miguel

ALUGAR CARRO: A minha sugestão é que faça a sua reserva neste site Rentalcars Açores, já que vai conseguir um preço mais barato do que alugando directamente nas agências. Eu escolhi sempre carros da Ilha Verde e correu sempre bem. Boa viagem!

HOTEL: Aproveite a minha recomendação e use este site para encontrar o seu hotel ao melhor preço: Hotéis na Ilha de São Miguel

Guardar

Guardar

Olá! Eu sou o Samuel, autor do artigo que acabou de ler. Como você, também gosto de viajar e descobrir povos e lugares. Partilho neste blog as experiências vividas nos vários países por onde já andei. Pode saber mais sobre mim na página Sobre o autor. Espero que tenha gostado e, se tiver alguma coisa a acrescentar, deixe um comentário abaixo.

5 COMENTÁRIOS

  1. A casa que eu me meti a comprar era na Fajã de Baixo. Localizava-se em frente, do outro lado da rua, a uma estufa deles.Custava quatro mil e cinquenta contos em junho de 1986 (20250 euros).
    A Secretaria da Habitação, para eu ficar lá dava-me sensivelmente metade. E não era para me indemnizar, como referiria o então Vereador.
    Nim foi, na altura, a minha resposta…

Ficou com dúvidas? Quer acrescentar alguma coisa? Deixe um comentário!