Partilhar facebook twitter google plus

Conjunto Arqueológico de Mérida; Património UNESCO em Espanha

Desde os tempos da escola, em que adorava a história e arqueologia, que sonhava visitar Mérida. Isto por causa do anfiteatro romano, muito famoso na Península Ibérica já que é um dos mais bem conservados da região, e por isso aparece em todos os livros de história, etc.  Já tinha estado à porta uma vez, com os meus pais, mas acabei por não visitar.

O que ver em Mérida

Vestigios Arqueológicos de Mérida; Espanha; Dezembro 2009No fim do ano passado finalmente realizei esse velho sonho e finalmente lá entrei. Depois da desilusão que tive com alguns monumentos romanos que visitei em França este Verão, estava preparado para ficar desiludido, mas não foi isso que aconteceu. Pelo contrário.

O monumento, ex-libris de todo o conjunto arqueológico protegido pela UNESCO, surpreendeu-me pela positiva. Fez-me recordar a fachada da biblioteca de Celsus em Efesu, Turquia. Estão de pé ainda muitas das estátuas, e a fachada interior do teatro está muito bem restaurada. Ao lado encontra-se uma anfiteatro tipo coliseu também muito bonita de visitar. Pela cidade e arredores há ainda mais ruínas, termas, etc

Como ia com pouco tempo, visitei apenas o recinto do Anfiteatro e Teatro e o museu arqueológico que alberga muitas estátuas e mosaicos romanos num edifício só de si monumental.

Vestigios Arqueológicos de Mérida; Espanha; Dezembro 2009Breve História

“Emerita Augusta, a actual Mérida, na Espanha, também referida como Augusta Emerita, foi uma colónia romana estabelecida por volta de 25 d.C., pelo legado imperial Publio Carisio por ordem de César Augusto, com a finalidade de estabelecer um posto intermédio para as legiões. Emeritas Augusta tornou-se entretanto a capital da Lusitânia.

Emeritas era um enclave estratégico na margem do rio Anas que servia de eixo de comunicação entre a província Bética com as terras do noroeste peninsular e as do eixo meridional (Olissipo).

O conjunto de ruínas denominou-se Conjunto Arqueológico de Mérida, um dos principais e mais extensos conjuntos arqueológicos de Espanha, declarado Património Mundial em 1993 pela UNESCO.”

Fonte: Wikipédia

Fotos

Hoteís em Mérida

Hospedaria Mirador de Llerena, Espanha; Dezembro 2009Quando visitei Mérida foi só de passagem e acabei por ir dormir à Hospedaria Mirador de Llerena, em Llerena, que fica a caminho de Córdoba. É um hotel 4 estrelas, muito bom e que tem preços surpreendentes (eu paguei 63€ num quarto duplo). Llerena é uma pequena cidade espanhola muito bonita e vale também a pena uma visita. Por isso se vai visitar Mérida aproveite e dei-a lá um saltinho: Hotel em LLerena.

Se preferir ficar mesmo em Mérida recomendo-lhe este site para comparar hoteis, ver preços, fotos, etc: Hoteis em Mérida, Espanha

Como chegar

Mérida fica na província da Extremadura em Espanha, a 60km de Badajoz e a menos de 300km de Lisboa, muito perto portanto de Portugal.

Para chegar a Mérida vindo de Lisboa apanhe a A2 e depois a A6 até à fronteira com Espanha junto a Elvas. Uma vez em Espanha siga na A-5 a partir de Badajoz até Mérida. Uma vez na cidade os monumentos encontram-se sinalizados. É fácil encontrar estacionamento por de trás das ruínas.


Ver Mérida num mapa maior

  • Flavio Menezes

    Estive em Mérida em novembro de 2012 e devo dizer que foi fantástico, as ruínas são um retorno no tempo. Comam uma Parrilhada no restaurante em frente à entrada, uma delícia e bom preço.

  • helenio j lack de souza

    cont.
    na verdade como tenho somente 6 dias gostaria que alguem que conhecesse a área me dizer o que devo fazer neste epaço de tempo para náo ficar perambulando sem realmente conhecer os lugares como se deve conhecer, experimentar a culinaria, etc, a exemplo que fiz em Roma onde fiquei 10 dias e fui a tudo quanto pude e deu para ver muita coisa !

  • helenio j lack de souza

    chego em lisboa dia 27 a tarde e estou pensando ir para MERIDA pois eu vi que fica exatamente no meio
    entre BADAJOZ CACERES TRUJILLO etc

  • mariaalice sebastiá

    Estou lendo o livro IBÉRIA de James Michener , e conforme o capítulo vou acessando a internet para localisar os lugares descritos com tantos detalhes por este apaixonado pela Espanha .Assim vou viajando por Badajós ,Mérida , Medellìn ,Trujillo , Jerez de los Caballeros, Jerez de la Frontera etc. Este livro ja foi lido por mim tres vezes e sempre tem novidades recomendo aos amantes da Espanha.Concidero meu livro de cabeceira talvez por ser neta de espanhois naturais de Barcelona , Badalona , Tarragona. Tem até uma praia com o nome de SAN SEBASTIÁ em Barcelona. Meu filho tomou banho lá e se apaixonou pela cidade, Meu pai morou no bairro GÓTICO e ia na missa com o avô na catedral de Santa Maria PI. Tudo muito emocionante para mim. Malice